Lei estadual garante vacinação aos servidores da educação.

Política

Proposta pelo deputado Evangelista Siqueira, a lei ainda garante que nenhum profissional do âmbito escolar seja obrigado a retornar ao trabalho presencial sem ter sido vacinado 

Desde o início do mês de junho os professores estão sendo vacinados contra a covid-19. Nesta sexta-feira (11) entraram na fila da vacinação os demais trabalhadores da educação que atuam nas escolas da capital. O Poder Legislativo teve papel importante quando aprovou o Projeto de Lei (PL nº 007/2021), de autoria do deputado Evangelista Siqueira (PT), que virou a Lei nº 1.481/2021.

A servidora Yamile da Silva, de 49 anos, auxiliar de secretaria escolar, foi uma das que recebeu a primeira dose da vacina. Emocionada, falou sobre a importância da vacinação para todos. “Durante a pandemia tivemos muito cuidado e ficamos na expectativa. É maravilhoso estar aqui neste momento”, destacou.

A Secretaria de Educação e Desporto (Seed) informou que na rede estadual de ensino devem ser vacinados 4.932 professores, incluindo capital e interior (zona rural). Deste total, a maioria está em Boa Vista, 3.441 docentes.

Conforme detalhou, serão vacinados também em todo o Estado 2.268 servidores entre administrativos, merendeiras, pessoal de apoio e porteiros. Grande parte desses servidores, 1.810 profissionais, é lotado em Boa Vista. 

Ao propor o PL, Evangelista Siqueira teve a preocupação de incluir não somente os professores no grupo prioritário da vacinação, mas todos os profissionais da educação. Além disso, deixou claro no texto que nenhum profissional da educação será obrigado a retornar ao trabalho presencial, sem ser vacinado. 

A medida é importante para que todos os profissionais da educação estejam protegidos contra o vírus antes do retorno das aulas presenciais. “Do zelador ao diretor da escola todos os trabalhadores serão imunizados. Nós sabemos que a vacinação evita o desenvolvimento de quadros graves, e para um retorno das aulas é necessário pensar e seguir todas as recomendações de segurança e proteção de todos”, enfatizou Siqueira. 

Vacinas em Roraima

Segundo dados divulgados na quinta-feira (10), no site do Vacinômetro, da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), o Estado recebeu até o momento 282.720 doses e cerca de 171 mil vacinas foram aplicadas nos grupos prioritários de Roraima.

Texto: Bruna Gomes

Foto: Divulgação TV Assembleia

SupCom ALE-RR

Deixe um comentário